03/08/2016

CONTAS MÁGICAS

DURANTE UNS DIAS, ...  UMA POR DIA !  
2ª 


Grato pela participação a :

AFRODITE,    Manu,    Elvira Carvalho,    Janita,    Prof. Ms. João Paulo de Oliveira,    Pedro Coimbra


Tem números à mistura, mas não se assustem.  Não é a dificuldade das contas que conta, mas sim a "magia", mas exige concentração ! 
Parece mais ser um truque de magia ou de leitura da mente, mas para isso têm que fazer essas contas extremamente simples !

As instruções são simples: aqui em baixo vamos expor algumas operações aritméticas – todas elas somas – que deve resolver, uma a uma até ao fim. Nunca pode passar para a conta seguinte sem resolver a que está acima. E não se tem de preocupar em decorar resultados ou em apontá-los.

Está pronto? ... Concentrado ?...  Pode começar , mas com muita atenção às contas !
15 + 6
2 + 56
89 + 2
12 + 53
75 + 26
25 + 52
63 + 32
Cansado de números? É compreensível. Fazer contas de cabeça pode ser uma tarefa árdua. Estamos mesmo quase a acabar. Só mesmo uma última pergunta.
123 + 5
Agora seja rápido! Muito rápido !!! ...  Pense numa COR, num OBJETO . O primeiro que lhe vier à cabeça e não perca tempo a refletir.
Muito bem. Agora percorra esta página até ao fundo para descobrir onde está a verdadeira "magia" deste exercício.
Bem-vindo, de novo.   Pensou num martelo vermelho ? ... Foi? ...

Impressionante, nós sabemos: é que 98% das pessoas pensa no mesmo. Basicamente significa que, se tomarmos Portugal como amostra, haverá cerca de 10.130.260 (cerca de 10,1 milhões de pessoas) a lembrar-se de um martelo de cor vermelha assim que terminam de fazer estas contas e são obrigadas a pensar depressa.
O truque só é possível quando alguém fica em “sobrecarga cognitiva”, um fenómeno científico que, quando associado a uma abstenção de estímulos externos, tendencialmente obriga o cérebro a pensar na cor vermelha e num martelo. Essa sobrecarga é provocada, neste caso, pelas contas matemáticas que o exercício nos leva a resolver. A partir do momento em que esforçamos as capacidades cognitivas, os nossos pensamentos tornam-se mais previsíveis, porque haverá menos neurónios disponíveis para o pensamento criativo.

... E com vocês, resultou ? ... Comigo aconteceu "magia" !!! rsrsrs

Comentários moderados e eu não comentarei as vossas respostas a não ser "acusá-las" e sem referências ao "caso".

.

14 comentários :

  1. À cor cheguei... ao objecto não.
    Ficou-se a magia pela metade :)

    Beijinhos aritméticos
    (^^)

    ResponderEliminar
  2. Olá Rui
    Eu realmente pensei na cor vermelha, mas não num martelo e sim numa vassoura.

    Beijinhos Rui

    ResponderEliminar
  3. Comigo não. Lamento. Pensei num lenço azul. Será que sou anormal? Abraço

    ResponderEliminar
  4. Sinceramente Rui, tenho de dizer-te que fiz as contas de somar de cabeça, cheguei cá abaixo e não pensei em cor nenhuma muito menos em martelos.
    Pergunto-me qual a utilidade deste post, mas isso tu dirás...ou não!
    Magia? Se aconteceu, não dei por ela.

    Beijinhos e desculpa lá o mau-jeito, Rui! :(

    ResponderEliminar
  5. Caro Padrinho Mor Rui Espírito Santo!
    Buaaaaá...
    Mais uma aula que terei nota zero, porque sou um néscio neste tipo de desafio.
    Caloroso abraço. Saudações nescioianas.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.


    PS - Padrinho Mor, este teu regido parvo - do lado de cá do grande oceano e hemisfério que nos separa - vem à presença de Vossa Senhoria com o escopo de sugerir a criação de um grupo no WattShapp com o título:
    Escolinha do Professor Rui da Bica.
    Tal sugestão tem no seu bojo a intenção de estreitar laços de amizades entre regente e regidos sem o cunho das aulas desafiantes, mas sim deboísta.
    Gostou da ideia, nobilíssimo Mestre dos Mestres de todos os Mestres.

    ResponderEliminar
  6. Comigo não resultou (caneca branca)
    Aquele abraço

    ResponderEliminar
  7. Janita
    Prof. João Paulo OLiveira
    Pedro Coimbra

    Obrigado !

    ResponderEliminar
  8. Todos

    Vou libertar os comentários !

    Lamento muito que este post tenha sido um verdadeiro "flop" .
    :((


    Só lhes posso dizer que comigo resultou plenamente ! ... Talvez uma questão de "concentração total" e abstracção de tudo o resto, tal como explicado no texto ! (?)

    "Isso só é possível quando alguém fica em “sobrecarga cognitiva”, um fenómeno científico que, quando associado a uma abstenção de estímulos externos, tendencialmente obriga o cérebro a pensar na cor vermelha e num martelo. Essa sobrecarga é provocada, neste caso, pelas contas matemáticas que o exercício nos leva a resolver. A partir do momento em que esforçamos as capacidades cognitivas, os nossos pensamentos tornam-se mais previsíveis, porque haverá menos neurónios disponíveis para o pensamento criativo.

    Obrigado a todos ! :) ... e desculpem "qualquer coisinha" ! :((

    O próximo (às 14:00) vai ser muito mais "complicado" (um verdadeiro desafio às vossas mentes, vão ver ! :))

    Abraço !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :))) Acho que me vou baldar à próxima aula, Rui!!

      A tua vingança vai ser terrível! Ehehehe

      Eliminar
  9. Pensei e m vermelho mas desisti dele imediatamente pois pensei que tinha sido sugestionada pela porta vermelha que está mesmo ao lado
    da pergunta.....assim troquei a cor e o objecto era uma faca...:(
    concluindo: não me correu Bem!!!
    bjs

    ResponderEliminar
  10. Pensei num lenço vermelho, logo comigo funcionou a cor, só não me lembrei do martelo :)

    ResponderEliminar