21/04/2011

RETRATO DE UM TEMPO

Re-editado

OOPS!!!, NINA, SONHADORA, ROSA DOS VENTOS, AC, acertaram.
Obrigado a LOL, CATARINA, MARIA, TETÉ .


Montemor-o-Velho é uma pequena vila sede de concelho, do Distrito de Coimbra, nas margens do Mondego, com cerca de 2 900 habitantes, embora as 14 freguesias do concelho perfaçam um total de cerca de 25 mil habitantes e 228 km2.

O Concelho é limitado a norte pelo município de Cantanhede, a leste por Coimbra e por Condeixa-a-Nova, a sul por Soure e a oeste pela Figueira da Foz.

Esta curiosa Obra de Arte encontra-se no Largo Macedo Sotto Mayor e manteve-se durante bastante tempo apenas com a barcaça / jangada que simbolizava a travessia do rio Mondego por este meio.


O monumento inicial:



INICIAL :
.
Onde será ?Em duas "penadas" descobrem onde é, mas vale pela "curiosidade" !
Fotos: Rui da Bica
Há tempos, passeando, deparei-me com esta "memória dos tempos".
Tempos de ser transporte privilegiado , utilizado para o transporte de cargas (produtos agrícolas) e pessoas, um dos mais primitivos e simples, hoje raramente em uso, mesmo nos meios mais rurais.
Os bois : Bonitos, obedientes, dóceis, fortes … que muito concorreram para o progresso rural ! … Por isso mesmo, “justa homenagem” !
Eeeeiii, boizinho, eeeiiii !


"Que vontade eu tenho de sair
Num carro de boi ir por aí
Estrada de terra que
Só me leva, só me leva
Nunca mais me traz
Que vontade de não mais voltar
Quantas coisas eu vou conhecer
Pés no chão e os olhos vão
Procurar, onde foi
Que eu me perdi
Num carro de boi ir por aí
Ir numa viagem que só traz
Barro, pedra, pó e nunca mais"

Maurício Tapajós e Cacazo
Milton Nascimento



56 comentários :

  1. Onde é que foste descortinar isto?
    Mais logo já dou uma voltinha pelo google.:)

    bji

    ResponderEliminar
  2. Raios!
    A net cai e só me deixa comentar.
    Pesquisar, nem pós!:(

    Estarão os deuses pesquisadores deste blogue a conspirar contra mim?lol

    Se calhar, mais vale ajudar a minha mãe a preparar as coisas para fazermos o folar.
    São servidos?

    Cá na minha terra havia poucas juntas de bois, mas a mim lembravam-me leite.:))
    (que grande Bovidade, como diria o oops!!!.Lol)

    beijocas e até mais logo, se a net me deixar.
    (vamos lá ver se entra este comentário:))

    ResponderEliminar
  3. Mais uma vez fico a ver navios...ou melhor...bois. :)

    ResponderEliminar
  4. (Humm... a net cai? E eu é que estou velho... o amor anda a monte...)

    ;)

    ResponderEliminar
  5. Uma rotunda numa terra pequena pelo que posso observar pelas casas à volta!
    As rotundas são excelentes estruturas facilitadoras da fluidez do trânsito, algumas têm motivos decorativos que nos reenviam para o "antigamente", como éramos, o que fazíamos e não só mas outras foram apenas pretexto para dar dinheiro a ganhar a empreiteiros e pseudo-artistas. Não é o caso desta!
    Ainda não pesquisei nada mas cheira-me a norte!

    Abraço

    ResponderEliminar
  6. Está-se mesmo a ver que “penadas” e “curiosidade” são dicas! : ) Mas mesmo assim está mais que evidendente que não chego lá. Espero pelas dicas e/ou indicações dos peritos deste blogue que são muitos!

    O olho de lince da Rosa. Até rotunda viu. Como por aqui não há rotundas – nem sei como sair das mais movimentadas (naba!) – nem dei por ela. Mas... com rotunda ou sem rotunda.... fico na mesma. Agora que deve ser uma vila/cidade pitoresca, deve.


    "O amor anda a monte" ... cheira-me a dica...

    ResponderEliminar
  7. Nem se eu fosse pássaro chegava lá... :(

    Deixo para os expert na matéria e volto mais tarde...alguém vai acertar.

    Gostei da imagem e do poema :)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  8. E eu sem net.
    Sempre a cair, a impedir-me de entrar no google.:(

    Ó amigos, aquele senhor descalço não vos parece um campino?
    Trás-os-Montes não tem campinos, embora o uso do boné seja quase obrigatório.
    Vá lá. Pesquisem por mim.:)

    ResponderEliminar
  9. Nina
    Descortinei por acaso, do outro lado da câmara ! :))
    A net, ...maldita net,... quando mais precisamos deixa-nos ficar mal ! :))) ... ou será que o teu computador está velho e tens que o trocar ?...
    ...mas esse comentário entrou !
    .

    ResponderEliminar
  10. oops!!!
    Velhos são os trapos, oops!!! ... mas eu não me importo nada !
    Se tens a fama eu tenho o proveito ! :))
    ... e é verdade,... o amor anda no ar e os bois, agora, a monte ! Perderam os carros. :))
    .

    ResponderEliminar
  11. Rosa dos Ventos
    Terra muito pequena, num monte e uma pequena rotunda.
    Estive por ali uns 15 minutos e passaram 2 carros.
    Uma grande verdade essa dos “favores com retorno obrigatório”.
    Esta, tive ocasião de ver que se trata de verdadeira Arte.
    Bj
    .

    ResponderEliminar
  12. Catarina
    No que a mim diz respeito, “penadas” e “curiosidade”, não são dicas ! ... Queria dizer que é rápido descobrir o local e a curiosidade do “monumento”.
    Trata-se de uma pequena e velha localidade num monte com história !
    Dica (além de várias outras),... é que há uma barcaça / jangada, onde está assente a junta de bois. :))
    .

    ResponderEliminar
  13. maria
    Se fosses cegonha, chegavas lá !... :))
    ... e mesmo não sendo pássaro, chegas se quiseres !
    Já há várias dicas ! :)))

    Beijinho
    .

    ResponderEliminar
  14. Nina
    A culpa não é da net. É do computador velho. Deve estar bom para ir para o monte de lixo ! :))

    Parece que lhe enfiaram o barrete! ... mas,... realmente o outro está bem calçado e com boné ! rsrsrs
    Nós pesquisamos, Nina !... O oops!!! é que já desistiu. Esta era demasiado difícil para ele !
    .

    ResponderEliminar
  15. Já descobri o sítio, amigão.
    Mas o mais engraçado é que só encontro a barcaça sozinha.lol

    ResponderEliminar
  16. O largo tem um nome já aqui referido esta semana.Lembras-te?:)

    ResponderEliminar
  17. Agora já encontrei com a junta em cima.
    Até já posso dizer que a barcaça traz uma charrua e que esta junta de bois não representa bois mas vacas.
    Ao menos não em enganei na vitela.
    E mais uma vez o S.oops!!! não falha uma!
    Que crueldade para uma pobre transmontana sem net, sem telemóvel (acho que a tempestade fez das dela) e de coração apertadinho porque deixou a cria sair no tractor com o avô, para ir buscar lenha fina para o forno.
    (espero que venha depressa para o meter debaixo de água. Não...não falhou a água, nem a luz.lol)

    beijocas

    Não deixo mais dicas porque já há bastantes.

    ResponderEliminar
  18. Já agora, o senhor lá de cima que se deixe de trocadilhos que só baralham e que me fazem sentir uma imbecil quando os percebo...só depois da descoberta do local.lol

    E vai um folar quentinho para a vencedora: eu.:)))
    (bem sei...bem sei)

    ResponderEliminar
  19. P.S final: Isto de andar aqui a falar sozinha é giro!:)

    ResponderEliminar
  20. E saiu um desafio lá no estaminé.:)
    beijoquinhas

    ResponderEliminar
  21. Também me pareceu ver uma jangada...de pedra!:-))
    Ainda não iniciei as pesquisas!
    Com a Nina a fazer-te concorrência não sei para onde me virar, tanto mais que tenho alguns afazeres domésticos à espera.
    Que esperem! :-))

    ResponderEliminar
  22. Entre as muralhas da Nina e as vacas do Rui não sei para onde me virar!
    Quanto às muralhas ...até já cheguei à China!
    Continuo à nora mas conduzida por vacas... :-))
    Inté!

    ResponderEliminar
  23. Rosinha querida,
    neste desafio pega no termo barcaça e vai às imagens.:)
    No meu, pega nos reis.:)
    bji

    ResponderEliminar
  24. Como monumento, claro!
    Refiro-me à barcaça.:)

    ResponderEliminar
  25. P.S: olha que as muralhas estão mais pertinho...de mim.:)

    ResponderEliminar
  26. Isto é um blog de rico. Fala-se muito por aqui em banqueiros.

    ResponderEliminar
  27. Nina
    Já ??? ... Barcaça sozinha, só se foi durante a construção, ou será que os homens deixaram fugir os bois ? :))
    O largo daquele que era o maior ? :))
    Então já apanhaste os bois ?... Ainda bem ! :))
    É verdade, há dicas que cheguem. Nunca deixei tantas ! :))
    Não dou mais ! ... e já tens o folar e nós a ver os bois, como diz o LOL ! :))
    Tens que falar sozinha, porque eu venho ao computador com muita intermitência e quando chego, não sei para onde me virar ! :))
    jocas
    .

    ResponderEliminar
  28. Rosa dos Ventos
    É mesmo uma jangada para atravessar rios ! :)
    É como dizes. Também não sei para onde me virar com as respostas, visitas e pesquisa, além de tudo o resto !
    Inté já, Rosa ! Já tens muitas dicas ! :))
    .

    ResponderEliminar
  29. É verdade, amigão.
    Sozinha.
    Só anos depois, 4 se não me engano, é que os novos habitantes lá foram colocados.

    Enviei mail a confirmar, para leitura:))
    jinhos mil a correr:))

    ResponderEliminar
  30. P.S: nada de folar ainda, mas quando houver mando para aÍ:))

    ResponderEliminar
  31. Sonhadora
    Será ?... Não liga lá muito bem, bois com banqueiros !... :)))
    ... mas dizes bem ! :))... o largo, ... só de nome e o meu apelido também de banqueiro,... mas sou dos tesos ! :)))
    .

    ResponderEliminar
  32. Já encontrei a rotunda com barcaça e sem vacas, mas também com tudo completo, excepto o nome da terra.
    Só o nome da região...
    Mas hei-de lá chegar!

    ResponderEliminar
  33. Nina
    Já lá fui ao teu blog ... :))) Vão lá ver que é um belo desafio ! Vamos ver se acertam antes de mim !
    Logo que possa pesquisar vou lá acertar ! Vai ser tiro e queda,... do arco e das muralhas ! :)))

    Não sabia que antes de ter a junta dos bois ou das vacas já era monumento e no mesmo sítio, mas é verdade (pela foto que mandaste) ! :)))
    .

    ResponderEliminar
  34. Pronto!
    Até já sei o nome do Largo mas a terra também não é tão pequena como isso é maior do que muitas e o largo também!
    Arre, que estava difícil!

    ResponderEliminar
  35. Rosa dos Ventos
    Boa !!! ... :))) isso é o mais difícil. Agora é fácil chegar à terra. Para a terra há muitas dicas ! :)))
    .

    ResponderEliminar
  36. Rosa dos Ventos
    Este ritmo nem me dá tempo. Estou a responder e lá aparece outro comentário ! rsrsrs
    Olha que eu estive lá e a terra (a parte urbanizada) é mesmo pequena. Vi meia dúzia de ruas lá dentro e o resto são acessos.
    O largo fica na extremidade e tem muito pouco movimento !
    .

    ResponderEliminar
  37. Já deixei sinais de saber o nome da terra ou ainda os queres maiores? :-))

    ResponderEliminar
  38. Rosa dos Ventos
    Já disseste tudinho, inclusive contradizer-me com toda a lógica ! :))))

    ResponderEliminar
  39. Todos
    O oops!!!, a Nina, a Sonhadora e a Rosa dos Ventos, já acertaram ! :)))
    Alguém mais quererá palpitar, depois de tantas dicas ? :)))
    Aguardemos ... rsrs
    .

    ResponderEliminar
  40. Rui,
    Estive a ler as dicas todas, e eram bem boas.
    A povoação fica entre Coimbra e a Figueira, não é assim?
    Mas concordo com a Rosa, a terra não é assim tão pequena.

    Abraço

    ResponderEliminar
  41. Não sei! Mas a estátua, se assim se pode chamar tem piada, recorda realmente outros tempos... :)

    ResponderEliminar
  42. AC
    Certíssimo, AC ! Essa mesmo. :))

    Eu estive lá! Tem apenas 2900 habitantes, embora o concelho, com 14 freguesias chegue quase às 25 mil.
    A Rosa usou esses termos como "dicas" para não referir o nome :
    "a terra não é tão pequena como isso, é maior do que muitas e o largo também!"

    De qualquer modo ceríssimo !
    .

    ResponderEliminar
  43. Teté
    Por isso titulei como "Retrato de um Tempo" :))
    Achei muito curioso e invulgar.
    Começou por ser só uma barcaça /jangada e só mais tarde lhe colocaram a junta dos bois os homens e o vitelo.
    Para recordar os tempos em que não havia outro modo de atravessar o rio. Apenas uma ponte para pessoas.
    .

    ResponderEliminar
  44. A estátua deve ser recente porque estive lá há dois anos e não a vi...
    Mas adorei o castelo!

    ResponderEliminar
  45. Rosa dos Ventos
    Suponho que é de Janeiro de 2010, tal como está agora.
    As flores do post anterior são do Castelo ! :))
    .

    ResponderEliminar
  46. Ahahah, acredites ou não encontrei a barcaça. Mas como não tinha lá os homens e os bois, pensei que fosse outra... :)))

    Once again, completamente cilindrada! :D

    ResponderEliminar
  47. Teté
    NãO me digas ! :)))
    Eu também não sabia que tinha havido Obra de Arte durante muito tempo, sem os bois e os homens ! :)))
    .

    ResponderEliminar
  48. A junta data de 17 de Julho de 2009, amigos.

    Ó Teté, até que eu tivesse encontrado a barcaça sozinha, palmilhei muito.
    Eu bem digo que vocês são melhores pesquisadores do que eu. A diferença é que eu sou mais teimosa e mal a vi, BINGO, cliquei e olhei-a bem:))

    beijinho a todos

    Também já lá tenho vencedores ilustres.
    Sorte que chegaram antes que o oops!!! fizesse muitas asneiras. Mudou a imagem, mas não pôs nenhuma outra que lá estivesse perto.lol

    ResponderEliminar
  49. Nina
    Obrigado ! :)) O post surgiu a partir da foto que eu tinha tirado sem conhecimento algum sobre a sua história e sobre o que representava.
    O curiosos destas coisas é que os posts "vão-se fazendo" á medida dos comentários. Daí eu dizer muitas vezes que o Blog é nosso e não meu.
    Se não tivesse comentários não teria qualquer interesse ! :)))
    Obrigado !
    .

    ResponderEliminar
  50. Tens toda a razão.:)

    A mim agradou-me, no desafio que coloquei, pesquisar em várias fontes e remodelar o texto.
    Coisas de gente doida. Sei bem que me entendes.:))

    bji gde aos 2

    ResponderEliminar
  51. Feliz Páscoa e um beijinho :)

    ResponderEliminar
  52. Nina
    Tens reparado que é assim mesmo. Quantas vezes coloco uma foto e poderia dar por encerrado o post, assim mesmo, mas os comentários fazem "estender" o post, sabe-se lá até onde ! ... e tens sido muito responsável por isso ! :)))
    Foi o que aconteceu agora com o teu enigma ! :)))

    Beijinho e obrigado pela tua amizade !
    .

    ResponderEliminar
  53. maria
    Muito Obrigado, Maria e igualmente para ti e todos os teus uma Grande Páscoa, para além da "extensão" ( :)) ), também de amor e felicidade !

    beijinho
    .

    ResponderEliminar