10/03/2010

RUÍNAS NA CIDADE - ÚLTIMA ACTUALIZAÇÃO

.
Re-re-editado
A "Fozzy e Rafinha" disse o local e um "Anónimo" disse o que já foi e o que vai ser.


Estas ruínas mantêm-se neste estado, no interior da cidade do Porto, há cerca de 10 anos.
Estou certo de que vários dos leitores que por aqui passam já estiveram lá muito próximos, já as viram e que provavelmente, virão a pisar futuramente, aquele espaço.

Alguém sabe:
1-onde são,
2-o que já foram,
3-a que se destinam durante o ano que decorre ?
.
Dicas:

Quem já fez o percurso pela marginal, desde a Ribeira até Matosinhos, passou por elas.

Em 1999 foi vendido, devoluto, à Câmara Municipal do Porto, que tem hoje um projecto já aprovado para reabilitação/remodelação daquele espaço, que mantendo-se exactamente no mesmo sítio, “parece” ter-se deslocado substancialmente.
As 2 fotos abaixo são do mesmo edifício.



As "ruínas" estão mesmo aqui à direita, na foto de baixo, em cima da areia.
Antigamente a rua que ligava o Castelo do Queijo à Praça da "Anémona" (rede) passava mesmo junto à água, do mar, ficando este edifício à direita. Com o afastamento da Rua para o interior este edifício passou a ficar do lado do mar, hoje praticamente em cima da areia.




Este edifício, construido em 1912, pertencia aos STCP, como Sub-Estação Eléctrica, até 1989, altura em que foi cedido , para a criação do Colégio Luso-Internacional do Porto (CLIP) que lá funcionou até 1998.

Em função das expropriações para a construção / instalação do Parque da Cidade, muita coisa foi alterada. A Rua junto ao mar foi destruída e substituída por um viaduto que “recuou” do mar cerca de 50 metros, passando por cima do Parque e cedendo ao mar todo aquele espaço, que ligaria o Parque, ao areal.
Aí, ficou em abandono este edifício, aguardando o melhor destino de enquadramento, arquitectónico e de lazer.
Quase ao lado foi ainda construído o “Edifício Transparente”, com esplanadas, lojas comerciais, restaurantes e espaços exteriores multi-usos, junto ao mar e também no início, junto ao Castelo do Queijo, foi construído um Aquário “Sea-Life”, já em pleno funcionamento.

Voltando às “ruínas” , pertencentes hoje ao “Grupo Kasa” , o seu destino (depois de desbloqueados certos entraves legais) será o de Discoteca “Kasa da Praia” que abrirá ainda este ano, após reabilitação, de modo a receber um restaurante/bar no rés-do-chão e um bar dançante, no piso intermédio, que abrirá ao final na tarde e funcionará pela noite dentro.
No projecto, prevê-se a criação de mais um andar recuado que servirá de zona vip e lounge.
.

28 comentários :

  1. Fiquei curiosa... a ver se alguém sabe. Fico à espera de resposta. Cumps

    ResponderEliminar
  2. Marota
    :)) Aguardemos... pode não ser fácil sem mais dicas.
    Pelo menos tem que se ter estado no Porto. :))
    .

    ResponderEliminar
  3. Estive no Porto no ano passado, mas chovia tanto que só deu para visitar o museu de Serralves (há muito que não me ria tanto dentro de um museu ao apreciar as obras de "arte"), nem os jardins conseguimos ver.

    E, claro, ainda deu para um almocinho à beira-rio com vista para a cidade (nada de esplanadas, evidentemente), mas do lado das caves do vinho do Porto, onde ainda fizemos umas provas do maravilhoso néctar. Ah, e visitámos também a Casa da Música, mas é só isso que conheço do Porto, para lá da estátua do Leão e da Águia, que fotografei a partir daí.

    Muito pouco, portanto, não dá para adivinhar! :)

    ResponderEliminar
  4. Olá Teté
    Serralves, "obras de "arte", se é a que eu penso, ... mas que "obras de arte" polémicas !
    Deu mesmo para rir e repensar tipos de arte a expôr e em que usar o dinheiro público! rsrsrsrs
    Quanto às ruínas, realmente não sãos para esses lados referidos e por isso é difícil.
    Se não houver palpites, lá terei que acrescentar algumas dicas.
    .

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde, Rui.
    bem, eu não sei onde fica mesmo.
    Quando ao comentário que fez no meu blog, aquilo que você v~e na boca são discos feitos de madeira. Funcionam como uma espécie de alargador, vai aumentando de tamanho, igual ao brinco. Tem a mesma função.
    Beijo grande.

    ResponderEliminar
  6. Olá Silvana
    Para quem vive no Brasil é impossível ! rsrsrs
    Aaaahhh ! Obrigado pela dica.
    Beijão.
    .

    ResponderEliminar
  7. Parece-me ser uma estação ferroviária

    ResponderEliminar
  8. Marota
    Não é. Embora em tempos (há muitos anos) tenha servido de um certo tipo de apoio a um certo tipo de transportes.
    .

    ResponderEliminar
  9. Gosto muito!
    Um dia ainda vou em Portugal para estudar todas de perto.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  10. Um momento que vou telefonar a maninho... eheheheh

    ResponderEliminar
  11. Fatima
    Não é nada de arqueológico rsrsrsrs
    Este prédio abandonado está destinado a outra função numa base de recuperação. O post é uma brincadeira para tentarem descobrir, onde,o qu~e e para quê.
    Beijos.
    .

    ResponderEliminar
  12. Swt
    Eu espero.
    Tenho quase a certeza que toda a gente da cidade já passou por ele. rsrsrs
    .

    ResponderEliminar
  13. Pois.. mas dados os acontecimentos, maninho está incontactável. Furioso como um Dragão ...
    Quem sabe amanhã?

    ResponderEliminar
  14. Swt
    Se ele é "dragão" deve ser um tipo fantástico ! Não o incomodes e tenta adivinhar.
    As 2 últimas são o mesmo edifício, antes de abandonado e tem água perto.
    .

    ResponderEliminar
  15. siceramente... nunca vi essas ruinas! nem mesmo a cores...

    ResponderEliminar
  16. Vicio
    Quem já fez o percurso pela marginal desde a Ribeira até Matosinhos, passou por elas.
    :))
    .

    ResponderEliminar
  17. Afinal esta casa fica junto ao edificio transparente, no castelo do queijo. Vai ser restaurada, pelos vistos...!

    este esclarecimento é para a swt sulada, que ligou a perguntar que edificio era este...

    cunhadita

    ResponderEliminar
  18. Marota
    Até agora não, mas parece já ter aparecido quem soubesse onde é. Mas falta dizer o que era antes e o que vai ser durante este ano.
    Beijos
    .

    ResponderEliminar
  19. Fozzy e Rafinha
    Antes de mais, muito bem-vindo, mesmo por "tabela" da Swt :)) Apareça sempre, que eu recebo bem ! rsrsrs
    Finalmente o lugar está descoberto ! Não era assim tão difícil!
    ...mas eu perguntava também se sabiam o que era antes e o que vai ser durante este ano :))
    A Swt, fica a dever "uma" à "cunhadita".
    .

    ResponderEliminar
  20. Por acaso devo ter passado por lá umas vezes...

    ResponderEliminar
  21. Luis
    Com toda a certeza. Só que com a construção do Parque da Cidade, ouve muito espaço cedido ao mar de modo que ele entrasse pelo Parque.
    Indo de Castelo do Queijo para Matosinhos ficava à direira, junto à Rua. Foi então feito um viaduto pelo interior e todo este espaço ficou do lado do mar.
    Foi também construido quase ao lado o chamado Edifício Transparente, por ser todo envidraçado, em cima da praia, com esplanadas, lojas comerciais e restaurantes.
    O local merece uma visita.
    Abraço.
    .

    ResponderEliminar
  22. o edifício é a "Casa da Praia", inicialmente pertença dos STCP - quando a zona era uma lixeira; foi depois o Clip. Está na posse da Câmara há uma década, foi concessionado mas a própria Câmara foi"adiando" a recuperação - não fosse prejudicar as corridas do Circuito da Boavista... Ou relembrar aos locais que no Porto é possível fazer obra...

    "Sabetudo"

    ResponderEliminar
  23. Anónimo
    Bom ! Caro anónimo "Sabetudo", foi difícil mas já está esclarecido ! rsrsrs
    Espero poder continuar com a sua colaboração. :))
    Em vez de Casa, é "Kasa" (pertence ao "Grupo Kasa".
    Irei colocar o texto respectivo.
    Obrigado e um
    Abraço.
    .

    ResponderEliminar
  24. Ahhhh o grupo KASA ;) do Sporting? ;) Obrigadinho - Cumps

    ResponderEliminar
  25. Marmota
    Exactly,Isabel !
    Mais concrectamente "Grupo K", do Kremlin, Kapital, Kais, Konvento, Kubo, Kasa da Praia, etc., etc..
    Estes tipos não param, há mais de 20 anos !
    .

    ResponderEliminar
  26. Eu até já tinha passado por lá. O maninho levou-me a dar umas voltas pela marginal, Castelo do Queijo e Parque da Cidade e tinha quase a certeza que era por aí. Aliás quero aproveitar para me queixar que o Parque da Cidade é muito grande. Nesse dia andei que me fartei e refilei com o meu irmão... que eu já não tinha idade para uma caminhada daquelas etc.
    Bem, menino Rui, este seu post foi um sucesso de vendas, né?
    Mas não ponha muitas mais coisas do Porto, porque eu tenho as minhas fontes e vou ganhar tudo!

    ResponderEliminar
  27. Swt
    Eu bem dizia que sim, que era fácil e conhecido. É quase um lugar de passagem obrigatória. :))
    O Parque está a ficar muito bom, com as árvores a crescer e aquela ligação directa ao mar.
    Não prometo !... Vou continuar a "promover" a minha cidade (2ª) rsrsrs, e vamos ver se acertam ;)) Estou pra ver !
    .

    ResponderEliminar