05/05/2011

NUNCA CONVERSEM COM SONO !

.
Para relaxar e descansar das pesquisas:
Era noite, já estavam deitados, ele desperta cheio de sono, a ouvir a mulher ...



MULHER: Se eu morresse tu casavas outra vez?
MARIDO: Claaaro que nãããoo!

MULHER: Não?! Não por quê?! Não gostas de estar casado?
MARIDO: Claaarooo que gooosto!

MULHER: Então por que é que não casavas de novo?
MARIDO: Está beeem,.... caasaaava...

MULHER: (com um olhar magoado) :((( ... Casavas?
MARIDO: Caaasaava. Só pooorque foi bom contiiiigo...

MULHER: E dormirias com ela na nossa cama?
MARIDO: Onde é que tu queiiirias… que nós dormísseeeemos?

MULHER: E substituirias as minhas fotografias por fotografias dela?
MARIDO: É naturaaal que siiiiiim...

MULHER: E ela ia usar o meu carro?
MARIDO: Nãoooo. Ela nãoooo conduuuuzz...

MULHER: !!!! (silêncio):(((
MARIDO: (em pensamento) … Já lixeeeeii tuuudo ... !!!


MORAL DA HISTÓRIA:

NUNCA prolongue um assunto com a mulher... abane apenas a cabeça ou
Diga 'A-HAM' ou 'HUM-HUM' ou 'HUUMMM'.
.

9 comentários :

  1. LOL!

    Esta correu-lhe mal!
    beijocas

    ResponderEliminar
  2. Mal?
    Correu pessimamente.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Pois...
    As conversas de travesseiro nem sempre correm bem.
    Foi o caso...

    1 abraço pah!

    §-não sei como nem porquê eliminei o comentário igual que fiz anteriormente. Mas sei que cada vez estou mais parvo!!!

    ResponderEliminar
  4. Boa! Que lhe teria (a ele) acontecido?! : )

    ResponderEliminar
  5. "O gajo estava no bar, a beber umas bejecas e a jogar uma partida de dominó com mais três amigos, quando vê um enterro a passar na rua. Rapidamente ele interrompe o jogo, levanta-se, vai até a porta, tira o chapéu e fica a observar o cortejo, em silêncio, com semblante visivelmente entristecido.
    Quando o féretro acaba de passar, ele coloca novamente o chapéu na cabeça e volta a sentar-se.
    – Esse foi o gesto mais comovente que eu já vi na minha vida! – comenta um dos amigos. – Acho que todos deviam seguir o teu exemplo.
    – Bem, depois de 25 anos de casado com ela, acho que era o mínimo que poderia fazer!"

    Moral da história:

    Há sempre lugar para uma última homenagem...

    ;)

    ResponderEliminar
  6. Mas quem me manda a mim aqui vir quando estou a comer?
    Esta do oops!!! roubou-me tamanha gargalhada que quase ia sufocando com a alface.lol

    Estou viva, ainda. Salvé!:))

    ResponderEliminar
  7. É assim que eles caem que nem patinhos ehehehh

    Beijinho :)

    (adoro os teus desafios, mesmo que não acerte nenhum, mas também gosto destes pot's assim )

    ResponderEliminar
  8. eheheheh oops!!! era o mínimo mesmo...foi muito comovente :p

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  9. Todos
    Nina, Teófilo Silva, Kok, Catarina, Oops!!!, Maria.

    Obrigado pelos comentários e tomem bem nota do exemplo ! :)) … é “arriscado” conversar com sono ! … é que também poderá acontecer o inverso ! :))))
    … e ainda há maridos “exemplares” que sabem “homenagear” convenientemente a sua cara metade ! :)))

    Bom ! … e agora me vou a fugir depressa que vêm aí uns numerozinhos, para matutar ! :(((
    Rsrsrsrs

    Abreijos !
    .

    ResponderEliminar