02/02/2011

NO BOM JESUS EM BRAGA

Re-editado
.



Clique para ler melhor


.

14 comentários :

  1. Como me lembra o pavor que tinha em menino ao espreitar para o interior das capelinhas. Não sei porquê mas as figuras metiam-me medo.

    "Fazer um Menino ao colo de Nossa Senhora"!!!

    Essa figura é que não me lembro de a ver!!!

    ResponderEliminar
  2. Se a memória não me falha já tinha visto/lido essa factura. E já fui igualmente ao Bom Jesus de Braga...!

    ResponderEliminar
  3. E agora, Vossa Alteza Rui, quer que aqui o prezado Napoleão descubra as diferenças, é?
    Ok...já naquele tempo, a crise se fazia sentir e o proletariado fazia de tudo para sobreviver.
    Ainda não havia as Novas Oportunidades.

    ResponderEliminar
  4. LOL!
    Esteve boa!
    As coisas que tu descobres!:)
    bji

    ResponderEliminar
  5. Está bem engraçada!
    Sorte os cornos terem ficado no sítio certo!
    O artista sabia o que estava a fazer! :-))

    Abraço

    ResponderEliminar
  6. Estou como o paulofski...também tinha medo de olhar para dentro das capelinhas eheh

    Ainda o ano passado estive lá e tirei imensas fotografias do interior das capelinhas, mas a medo...como ficaram, ficaram eheh

    Talvez tivesse visto essa factura, mas não me lembro, mas como estou quase a ir de novo...

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  7. Paulofski
    Naquele ambiente escuro tudo era possível ! :))
    Sabe-se lá do que as pessoas são capazes ?! ... Não me admirava nada que alguém com as chaves da capela o pudesse fazer ! rsrs
    .

    ResponderEliminar
  8. Catarina
    Esta factura existe mesmo e está até arquivada na Torre do Tombo !
    :)))
    .

    ResponderEliminar
  9. Blogaparte
    Caríssimo Napoleão, naquele tempo, comparativamente aos dias de hoje, as diferenças não são grandes a não ser no valor do dinheiro.
    Continuam-se a pôr cornos, fazer meninos nos sítios mais descabidos, pintar o diabo seja onde for, fazer galos na cabeça, atiçar as chamas do inferno, até alterar os 10 mandamentos já esteve mais longe !
    ... e pelos vistos a avaliar pelo role, eram dadas oportunidades que hoje não lembram a ninguém ! :))
    .

    ResponderEliminar
  10. Nina
    ... que encontrei em arquivos antigos e comprovei pela Net. :))
    Bjo
    .

    ResponderEliminar
  11. Rosa dos Ventos
    Era de facto uma coisa que se fazia melhor que hoje !
    Hoje em dia os artistas não serão tão pacientes e conscientes
    do sentido da perfeição. Hoje, por ex., não se olha ao sítio onde se põem os cornos, pegando no teu exemplo. Rsrsrs
    Bjs
    .

    ResponderEliminar
  12. maria
    Nem me fales ! :) Onde eu morava, havia uma rua que tinha um grande portão com leões de pedra em cima, lateralmente.
    Eu, ainda longe, atravessava a rua para o outro lado, não fossem eles atirarem-se a mim. Espreitar, nestes sítios ...! Sabia-se lá o que se iria ver ?... hhuuuuuu :))
    A factura existe mesmo, arquivada.
    Bjinho
    .

    ResponderEliminar
  13. Se bem me lembro já há muito tempo vi esta ou uma factura parecida. Mas isto de fazer um menino já ao colo, não sei como é possível...
    Beijo e obrigada. Foste muito gentil.

    ResponderEliminar
  14. Sonhadora
    Deve ter sido esta mesmo. Para alem de arquivada na Torre do Tombo, circulou pela Net.
    Quanto a fazer o menino lembra-te que não foi ao colo de qualquer uma; foi no de Nª Senhora e,... milagres,... acontecem ! :)))

    Beijo. Não tens que agradecer. :))
    .

    ResponderEliminar